O Teste De Celular Em 150 Segundos

Sobremesa de família

A primeira reunião com o cliente sempre inclui um número de tarefas. A três básicos que se interliga estreitamente um com outro os problemas da consulta primária podem transportar tarefas interpessoais, diagnósticas e terapêuticas.

Trace três qualidades importantes da eficiência da consulta psicológica: respeito (a atitude em direção ao cliente quanto à pessoa normal); a boa natureza (o consultor tem de ser humano, original); empatia (capacidade autenticamente para entender o cliente e devolver atrás esta compreensão ao cliente). Em outras palavras, o consultor tem de ser capaz de levantar-se na posição do cliente.

A etapa 4 – Tomada de decisão. A decisão vem quando o cliente sente que a crise se transformou no problema bastante feito funcionar. Se a crise tiver o caráter longo, o consultor tem de deixar a oportunidade para o endereço repetido em uma situação crítica. O cliente tem de aproximar um problema com próprias forças e sensação sobre uma situação, estando pronto para continuar a própria vida.

A consulta psicológica e a psicoterapia são os tipos da ajuda psicológica concentrou-se em superar de problemas do caráter psicológico. A consulta psicológica dirige-se à solução diferente de dificuldades psicológicas, problemas em primeiro lugar situacionais e interpessoais. No momento difícil, crítico na sua vida, o psicólogo-consultor pode ajudá-lo a superar stress, crise vital, perda do querido, e também é melhor entender a sua situação de vida e tomar a decisão direita.

Além de algum tempo também acontece é necessário para a realização do processo da experiência. Se durante a história do cliente houver um material importante e há uma expressão das sensações relacionadas, a simplificação da reação emocional e o seu fim até ao fim da conversação torna-se o objetivo de uma fase final da consulta.

Em geral, a consulta primária tem de manter-se na apresentação de forma ao paciente da base da decisão, se deseja sofrer um curso de consulta ou psicoterapia e assumir a responsabilidade que se une inevitavelmente com a realização deste plano.

No fim de uma fase inicial da conversação convencer-se que aprendeu sobre as reclamações principais do cliente e pergunta: Se "Ainda há algo, o que se incomoda?" Depois que isto acontece é útil resumir reclamações, que deve enumerar resumidamente as reclamações afirmadas pelo cliente, e também ideias que acompanham eles e sensações. A função da adição nesta etapa compõe-se na expressão de resumo de reclamações do cliente e aquelas razões que se afirmaram pelo cliente.

A etapa 2 – o problema. Um problema desta etapa – para ajudar o cliente com definição e clareira de um problema e o conflito uniu-se com um problema. O conflito pode ter muitas razões. No fim o cliente tem de indicar o problema.

Evite uma gíria e limpe palavras e frases que não entende e que podem fazer um sentido para você e o outro para o cliente. Sempre é necessário limpar "etiquetas" diagnósticas e psicológicas. Por exemplo, se o cliente menciona uma depressão, o consultor pode contar: "Contou o que esteve em uma depressão. Não pediria dizer que possui palavras o que exatamente sentiu?".

Em uma situação da transição aguda pelo cliente a uma afirmação de uma nova manifestação direta sujeita do controle do consultor pode olhar, por exemplo, como se segue: "Entendi que é importante para você, mas não podemos voltar ao que disse dos seus problemas no trabalho antes e contar sobre eles?"

No sumário, eu gostaria de acrescentar que a hora do registro do conteúdo da consulta (os sujeitos principais, os fatos de história, hipóteses, dificuldades, etc.) chega diretamente depois da consulta. E embora aconteça muito difícil de concentrar a atenção e escrever o conteúdo da conversação diretamente depois dele se não o fazer, a informação importante pode perder-se irrevogavelmente.